Estudo Bíblico

O PERFIL DOS QUE MINISTRAM NA COMUNIDADE CRISTàCONTEMPORÂNEA

Há um enorme equívoco no meio evangélico que se enraizou na mente de alguns crentes, quando o músico, ou ministro de louvor é exclusivamente chamado de levita da casa de Deus. Assim como muitos erros de interpretação bíblica causaram enormes contradições pela falta de harmonização de textos com contextos, apesar do caso aqui exposto se tratar de contexto remoto, gramatical, histórico e cultural, a comparação feita especialmente do músico atual para com o levita da Bíblia é mais um exemplo disso.

Mas, quem eram, de fato, os levitas descritos na Bíblia?

O que eles realmente faziam?

Que ligações possuem os levitas das Escrituras com os “levitas” de nossos dias?

Quais os equívocos causados quanto ao assunto em questão?

Os levitas eram os membros da tribo de Levi, terceiro filho do patriarca Jacó.

Formavam uma tribo separada, sem território, sem herança terrena, sem recenseamento com as demais tribos, porque tinham a benção do alto, privilégio de ter o Senhor como seu quinhão. Por isso Levi não tem parte nem herança com seus irmãos:

É por isso que os levitas não têm nenhuma porção de terra ou herança entre os seus irmãos; o Senhor é a sua herança, conforme o Senhor, o seu Deus, lhes havia prometido.

Deuteronômio 10:9 Era a tribo dos sacerdotes (cohanim), descendentes de Arão, por sua vez descendente de Levi: “Assim consagrarei a Tenda do Encontro e o altar, e consagrarei também Arão e seus filhos para me servirem como sacerdotes. Êxodo 29:44

Encarregue Arão e os seus filhos de cuidar do sacerdócio; qualquer pessoa não autorizada que  se aproximar do santuário terá que ser executada”. Números 3:10

Isso quer dizer que todo sacerdote (cohen) era levita, mas nem todo levita era

Faze chegar a tribo de Levi, e põe-na diante de Arão, o sacerdote, para que o sirvam.

 

Números 3:6

LEVI é uma palavra de origem Hebraica (LÊWI) que tem sua raiz na palavra

IÃWÂ que significa JUNTAR e HILLAWEH que significa UNIR.

Foi o nome dado ao terceiro filho de Jacó com Lia, a bíblia diz que Jacó amava a Raquel e fez um acordo com Labão seu pai para trabalhar sete anos tendo como recompensa ao fim destes que Labão lhe desse sua filha Raquel em casamento.

Ao final dos sete anos Labão entregou sua filha Lia a Jacó sob a alegação de que não era justo entregar a filha mais nova primeiro que a mais velha, assim Jacó trabalhou mais sete anos por Raquel.

Jacó amava mais a Raquel do que a Lia, então quando Lia teve seus dois primeiros filhos, que os chamou Rubem e Simeão, ela acreditava que Deus a deu Rubem porque viu a aflição pela qual passava e Simeão porque Deus viu que ela era desprezada por seu marido. Quando Levi nasceu ela acreditou que este nascera para uni-la a seu marido.

 

“E concebeu outra vez, e deu à luz um filho, dizendo: Agora esta vez se unirá meu marido a mim, porque três filhos lhe tenho dado. Por isso chamou-o Levi”.

Quando o povo de Israel atravessava o deserto o Senhor nomeou Arão e seus filhos para ministrarem ao povo como sacerdotes, Deus chamou a Moisés e ordenou que construísse o tabernáculo, todas as vezes que o povo de Israel se deslocava no deserto o tabernáculo era desmontado e montado novamente, era um trabalho pesado e dispendioso, assim Deus providenciou para que Moisés e seus filhos recebessem a ajuda necessária.

“Faze chegar a tribo de Levi, e põe-na diante de Arão, o sacerdote, para que o sirvam”. Números 3:6

A tribo de Levi tinha a incumbência de montar e desmontar o tabernáculo, lavar

os utensílios, arrumar e organizar para que tudo estivesse pronto quando Arão e seus filhos fossem se apresentar e claro, ministravam no tabernáculo diante do povo.

Juntamente com Arão e seus filhos, havia outras pessoas que colaboravam no

tabernáculo, eram os primogênitos, aqueles que Deus ordenara que fossem separados para Ele, à medida que o tempo se passava mais crescia a importância do trabalho dos levitas diante do Senhor, finalmente então, os levitas foram instituídos representantes oficiais da linhagem sacerdotal e aos poucos a outras tribos de Israel puderam resgatar seus primogênitos do trabalho sacerdotal, purificando assim a linhagem dos levitas:

“E disse o Senhor a Moisés: Conta todo o primogênito homem dos filhos de Israel, da idade de um mês para cima, e toma o número dos seus nomes, E para mim tomarás os levitas (eu sou o Senhor), em lugar de todo o primogênito dos filhos de Israel, e os animais dos levitas, em lugar de todo o primogênito entre os animais dos filhos de Israel. E contou Moisés, como o Senhor lhe ordenara, todo o primogênito entre os filhos de Israel. E todos os primogênitos homens, pelo número dos nomes dos da idade de um mês para cima, segundo os que eram contados deles, foram vinte e dois mil e duzentos e setenta e três. E falou o Senhor a Moisés, dizendo: Toma os levitas em lugar de todo o primogênito entre os filhos de Israel, e os animais dos levitas em lugar dos seus

animais; porquanto os levitas serão meus: Eu sou o Senhor. Quanto aos duzentos e setenta e três, que se houverem de resgatar dos primogênitos dos filhos de Israel, que excedem ao número dos levitas”. Números 3:40-46

 

Um levita é um sacerdote, escolhido, separado, consagrado e instituído por Deus para realizar sua obra, o levita tem o dever de unir o homem a Deus, é um ministro do evangelho, o levita não tem herança nesta terra, vive por Deus e para Deus.

 

 

As funções dos levitas

 

“Manual Bíblico de Halley” mostra que o ministério levítico era amplo em suas atividades, diferente em relação ao que se pensa em nossos dias. Os levitas tinham uma atividade honrosa que compreendia:

O serviço no santuário

“Faze chegar a tribo de Levi, e põe-na diante de Arão, o sacerdote, para que o sirvam “Então disse Davi: Ninguém pode levar a arca de Deus, senão os levitas; porque o Senhor os escolheu, para levar a arca de Deus, e para o servirem eternamente”.

O auxílio nos sacrifícios

Nem aos sacerdotes levíticos faltará homem diante de mim, que ofereça holocausto, queime oferta de alimentos e faça sacrifício todos os dias.

No transporte da Arca da Aliança, na responsabilidade para com o ensino da Lei

E Moisés escreveu esta lei, e a deu aos sacerdotes, filhos de Levi, que levavam a arca da aliança do Senhor, e a todos os anciãos de Israel.

Com boi e com jumento não lavrarás juntamente. Deuteronômio 22:10

Na música “Davi, junto com os comandantes do exército, separou alguns dos filhos de Asafe, de Hemã e de Jedutum para o ministério de profetizar ao som de harpas, liras e címbalos.  Esta é a lista dos escolhidos para essa função:”1 Crônicas 25:1

 

No uso da autoridade para abençoar

“Parece, portanto, que os deveres dos levitas incluíam tanto o serviço de Deus como um papel de relevância no governo civil”,Dr. Halley

 

Davi foi o responsável por inseriu a música como parte integrante do culto, afinal, ele era músico e compositor desde a sua juventude: “E sucedia que, quando o espírito mau da parte de Deus vinha sobre Saul, Davi tomava a harpa, e a tocava com a sua mão; então Saul sentia alívio, e se achava melhor, e o espírito mau se retirava dele”. 1 Samuel 16:23

 

Atribuiu a alguns levitas a responsabilidade musical. No 1o livro das Crônicas capítulos 9.14-33; 23.1-32; 25.1-7, vemos diversas atribuições dos levitas.

Havia então entre eles porteiros, guardas, padeiros, cantores, instrumentistas e

até o tesoureiro era levita (1a Cr. 26.20-28; 2o Cr. 5.13; 34.12).

 

Os levitas em nossos dias

 

Fica claro que o ministério levítico descrito na Bíblia, teologicamente interpretado, não possui nenhuma ligação com os chamados “levitas cristãos” de nossos dias. A começar pela ampla organização ministerial, postura, atividade, contexto histórico, religioso e cultural, promessas bíblicas, seleção, critérios, períodos e épocas.

Mas, não podemos deixar de considerar a forma do uso atual, pois, se torna importante esclarecer aqui, que a verdade no que tange ao “levitismo evangélico”, ficou obscura por causa do erro interpretativo das Escrituras propagado por alguns.

 

Ou seja, se queremos assim considerar o ministério levítico em nosso meio, á luz da Palavra de Deus, todos os que servem em qualquer ministério relacionado ao culto e ao templo, podem e devem ser chamados também de “levitas”.

A falsa ideia de que apenas músicos são levitas, é totalmente contrária aos textos e relatos bíblicos. E mais, se torna um fato irônico chamar de levita todo aquele que serve o ministério relacionado ao culto e ao templo que, muitas vezes, exerce seu ministério na igreja tendo uma irreverência explícita no próprio culto, confundindo a adoração coletiva com seu show particular e, ignorando o conhecimento teológico e profundo da Palavra, o que o distancia mais ainda dos levitas bíblicos que possuíam grande sabedoria das Escrituras e extrema visão espiritual.

 

Para pensarmos…

 

Hoje, você é um levita?

 

“De sorte que, se a perfeição fosse pelo sacerdócio levítico (porque sob ele o povo recebeu a lei), que necessidade havia logo de que outro sacerdote se levantasse,…?”

 

Hebreus 7:11 “Dou aos levitas todos os dízimos em Israel como retribuição pelo trabalho que fazem ao servirem na Tenda do Encontro Números 18:21

 

A igreja é o Templo?

Acaso não sabem que o corpo de vocês é santuário do Espírito Santo que habita em vocês, que lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de si mesmos? 1 Coríntios 6:19

Os ministros, pastores, apóstolos, bispos, reverendos, são os nossos sacerdotes?

E, na verdade, aqueles foram feitos sacerdotes em grande número, porque pela morte foram impedidos de permanecer, Mas este, porque permanece eternamente, tem um sacerdócio perpétuo. Portanto, pode também salvar perfeitamente os que por ele se chegam a Deus, vivendo sempre para interceder por eles. Porque nos convinha tal sumo sacerdote, santo, inocente, imaculado, separado dos pecadores, e feito mais sublime do que os céus; Que não necessitasse, como os sumos sacerdotes, de oferecer cada dia sacrifícios, primeiramente por seus próprios pecados, e depois pelos do povo; porque isto fez ele, uma vez, oferecendo-se a si mesmo. Hebreus 7:23-27

 

(Manual Bíblico de Halley – p. 222, Ed. Vida Nova)

O DIA DOS PAIS

COMEMORAMOS O DIA DOS PAIS.

A RELAÇÃO ENTRE PAI E FILHO É TÃO IMPORTANTE E NOBRE QUE CRISTO USOU A ANALOGIA DE PAI E FILHO PARA NOS MOSTRAR COMO DEVE SER NOSSO RELACIONAMENTO COM DEUS.

TODA VEZ EM QUE ESSA ANALOGIA É USADA, TODA VEZ QUE REPETIMOS A ORAÇÃO DO SENHOR, DEVE SER LEMBRADO QUE O SALVADOR FEZ USO DELA NUM MOMENTO E LUGAR EM QUE A AUTORIDADE PATERNAL TINHA UMA POSIÇÃO MUITO MAIS ELEVADA DO QUE NOS TEMPOS MODERNOS. AMOR ENTRE PAI E FILHO, NESTE SÍMBOLO, SIGNIFICA ESSENCIALMENTE UM AMOR CHEIO DE AUTORIDADE DE UM LADO, E AMOR OBEDIENTE DO OUTRO.

ASSIM,    NOSSOS    PAIS    TERRENOS    PODEM    INFLUENCIAR,    DE FORMA INCONSCIENTE, NOSSA PERSPECTIVA DO PAI CELESTE. 

MAS, INFELIZMENTE, NOSSO MUNDO ESTÁ INFESTADO POR UMA EPIDEMIA DE DOR. COM O NÚMERO DE DIVÓRCIOS AUMENTANDO E O ABUSO CONTRA AS CRIANÇAS BERRANDO NAS MANCHETES NACIONAIS, NÃO É DE SURPREENDER QUE PARA MUITOS O CONCEITO DE UM DEUS-PAI PROVOCA REAÇÕES DE IRA, RESSENTIMENTO E REJEIÇÃO.

POR NÃO CONHECEREM UM PAI HUMANO BONDOSO E ATENCIOSO, MOSTRAM UMA VISÃO DISTORCIDA DO AMOR DO PAI CELESTE. EM MUITOS CASOS, ESSES INDIVÍDUOS SOFREDORES ESCOLHERAM TÃO SOMENTE NEGAR OU DESPREZAR A EXISTÊNCIA DE DEUS.

PAIS EU NÃO QUERO QUE SAIAMOS DAQUI NESTA NOITE COM UM PESO EM NOSSA COENSCIENCIA, NÃO!  EU QUERO QUE EU E VOCÊ SAIAMOS COM UMA VISÃO CRISTALINA A RESPEITO DO DEUS PAI!  E SEJAMOS REFERENCIA COMO PAIS.  AMADOS, VEJAMOS!  O QUE FRUSTRA A COMPREENSÃO DE DEUS COMO PAI? 

ALÉM DAS EXPERIÊNCIAS NEGATIVAS NA INFÂNCIA, MUITOS EXPERIMENTAM UM BLOQUEIO EMOCIONAL OU MENTAL QUANDO TENTAM CHAMAR DEUS DE “PAI”, POIS NÃO O CONHECEM PESSOALMENTE.

HÁ DIFERENÇA ENTRE SABER A RESPEITO DE DEUS E CONHECÊ-LO PESSOALMENTE.

MAS, A TODOS QUANTOS O RECEBERAM, DEU-LHES O PODER DE SEREM FEITOS FILHOS DE DEUS, AOS QUE CRÊEM NO SEU NOME; ” JOÃO 1:12

OUTRAS PESSOAS TÊM DIFICULDADE DE RELACIONAR-SE COM DEUS COMO PAI PORQUE DURANTE A VIDA TODA FORAM ENSINADAS A RESPEITÁ-LO E COMO SINAL DE RESPEITO ATÉ O NOME NÃO ERA PROFERIDO.

PARA ELAS ISSO SIGNIFICA CHAMÁ-LO DE SENHOR. USAR UM TERMO INFORMAL COMO “PAI”, PARECE-LHES FALTA DE REVERÊNCIA. ENTRETANTO A BÍBLIA NOS ENSINA A CHAMAR A DEUS DE “PAI” QUANDO ORAMOS: “PORTANTO, VÓS ORAREIS ASSIM: PAI NOSSO, QUE ESTÁS NOS CÉUS,

SANTIFICADO SEJA O TEU NOME; ” MATEUS 6:9 E NOS DIZ QUE ELE DESEJA TER UM RELACIONAMENTO ÍNTIMO E PESSOAL CONOSCO, SEUS FILHOS.

ALGUMAS DE NOSSAS DIFICULDADES MAIS COMUNS PARA COMPREENDERMOS O IMENSURÁVEL AMOR DE DEUS SÃO AS FERIDAS EMOCIONAIS.

MUITAS VEZES, ESSAS FERIDAS PRODUZEM CICATRIZES QUE NOS FAZEM HESITAR EM CONFIAR INTEIRAMENTE NELE COMO PAI.

A BÍBLIA OFERECE MUITOS EXEMPLOS DE FERIMENTOS EMOCIONAIS E REFERESE A ISSO COMO “ESPÍRITO OPRIMIDO”, FERIDO OU ABATIDO: 

O CORAÇÃO ALEGRE AFORMOSEIA O ROSTO, MAS PELA DOR DO CORAÇÃO O ESPÍRITO SE ABATE. ” PROVÉRBIOS 15:13 / “O ESPÍRITO DO HOMEM O SUSTENTA NA DOENÇA, MAS O ESPÍRITO DEPRIMIDO, QUEM O LEVANTARÁ? ” PROVÉRBIOS 18:14.

POR CAUSA DO SEU CORAÇÃO PATERNO, DEUS ANSEIA POR RENOVAR-NOS E RESTAURAR-NOS MEDIANTE O PODER CURADOR DO SEU AMOR. INÚMERAS PESSOAS SOFREM MÁGOAS E REJEIÇÃO DA FAMÍLIA E NÃO TÊM UMA GENUÍNA FIGURA PATERNA COM QUEM SE IDENTIFICAR. TAIS EXPERIÊNCIAS AS IMPEDEM DE CONHECER A DEUS COMO ELE REALMENTE É, NEGANDO-LHES A ALEGRIA DE DESFRUTAR INTIMIDADE VERDADEIRA COM ELE.

AMADOS COMO DISSE PELA MANHÃ A RESPEITO DE ALGUNS CONCEITOS ERRADOS QUE TEMOS DE DEUS, AFETADO PELA NOSSA EXPERIENCIA, COM FREQUENCIA TEM ORIGEM LÁ NA INFANCIA.

NESSA NOITE, QUERO FALAR DE MAIS 04 CONCEITOS QUE NOS AFETAM QUANTO AO NOSSO RELACIONAMENTO COM O NOSSO DEUS PAI;

PELA MANHÃ FELEI DA AUTORIDADE;

TEMOS DIFICULDADE DE COMPREENDER A AUTORIDADE DE DEUS PORQUE COLOCAMOS NO MESMO NIVEL DAQUELAS PESSOAS (DIGO DO NOSSO PAI) QUE FOI AUTORIDADE EM NOSSA VIDA!  

FALEI DA CONFIANÇA – PRINCIPALMENTE PARA AQUELES FILHOS QUE FORAM REJEITADOS, ABANDONADOS OU RELEGADOS A ORFANDADE.

FALEI DOS VALORES – AS CRIANÇAS OUVEM CONSTANTEMENTE SOBRE O VALOR DAS COISAS, MAS POUQUISSIMAS VEZES OUVEM UM SIMPLES “EU TE AMO” VOCÊ PAI PRECISA VALORAR MAIS SEU FILHO (REPARE QUE NÃO EH VALORIZAR – NÃO SE TRATA DE FINANCEIRO), OU SEJA PRECISAMOS DAR MAIS VALOR AOS NOSSOS FILHOS!

A MAIOR DEMONSTRAÇÃO DE AMOR DO CORAÇÃO PATERNO DE DEUS REVELA-SE NA SUA ATENÇÃO AOS DETALHES DE NOSSA VIDA. DEUS NÃO É AVARENTO, POSSESSIVO NEM MATERIALISTA. SOMOS NÓS QUE, COM FREQÜÊNCIA, USAMOS AS PESSOAS COMO SE FOSSEM OBJETOS; ELE USA OS OBJETOS PARA ABENÇOAR AS PESSOAS. DEUS MANIFESTA A SUA GENEROSIDADE MEDIANTE DÁDIVAS MAIS IMPORTANTES DO QUE MERAS COISAS MATERIAIS. GRACIOSAMENTE, ELE NOS DÁ O QUE NÃO PODE SER TOCADO NEM TEM PREÇO: O PERDÃO, A MISERICÓRDIA E O AMOR.

AMADOS VAMOS REFLETIR HOJE A NOITE EM MAIS 04 CONCEITOS QUE NOS AFETAM QUANTO AO NOSSO RELACIONAMENTO COM O NOSSO DEUS PAI;

1- AFEIÇÃO. – QUANDO MEU FILHINHO CHEGA DO QUINTAL COBERTO DE LAMA, EU O APANHO E O LAVO COM A MANGUEIRA DO JARDIM.

REJEITO A LAMA, NÃO REJEITO O MEU FILHO.

SIM, NÓS PECAMOS. REALMENTE, ENTRISTECEMOS O CORAÇÃO DE DEUS. CONTUDO, AINDA SOMOS O CENTRO DA ATENÇÃO E DO AFETO DIVINOS – A MENINA-DOS-OLHOS DE DEUS. É ELE QUEM NOS PROCURA PARA CONCEDER-NOS PERDÃO E AMOR. NÓS DIZEMOS “ENCONTREI O SENHOR”, MAS NA VERDADE FOI ELE QUE, DEPOIS DE INTENSA BUSCA, NOS ENCONTROU PRIMEIRO. OS MENINOS, POR CONTA DO FALSO CONCEITO DE MASCULINIDADE, RECEBEM POUCO AFETO FÍSICO DA PARTE DOS PAIS. É COMUM OUVIREM: “NÃO CHORE FILHO; HOMEM NÃO CHORA”. ENTRETANTO, O AMOR DE DEUS CURA OS FERIMENTOS DE MENINOS E MENINAS DA MESMA MANEIRA.  MOISÉS CERTA VEZ INVOCOU UMA BENÇÃO SOBRE CADA TRIBO DE ISRAEL. A UMA DELAS ELE DISSE: “O AMADO DO SENHOR HABITARÁ SEGURO COM ELE; TODO O DIA O COBRIRÁ; E MORARÁ ENTRE OS SEUS OMBROS. ” DEUTERONÔMIO 33:12.

É AÍ QUE VOCÊ HABITA TAMBÉM. SEJA LÁ O QUE VOCÊ É OU SE TORNARÁ, VOCÊ JAMAIS DEIXARÁ DE SER NADA MAIS, NADA MENOS DO QUE UMA CRIANÇA NOS BRAÇOS DE DEUS.

  1. PRESENÇA – HÁ UM ATRIBUTO DE DEUS QUE NEM MESMO O MELHOR PAI PODE ESPERAR IMITAR – A CAPACIDADE DIVINA DE ESTAR CONOSCO O TEMPO TODO. OS PAIS HUMANOS SIMPLESMENTE NÃO PODEM DAR AOS FILHOS TODA A ATENÇÃO 24 HORAS POR DIA. NO ENTANTO, DEUS É DIFERENTE. ELE NÃO APENAS ESTÁ COM VOCÊ O TEMPO TODO, MAS TAMBÉM LHE DÁ ATENÇÃO DE FORMA INDIVIDUAL:

LANÇANDO SOBRE ELE TODA A VOSSA ANSIEDADE, PORQUE ELE TEM CUIDADO DE VÓS. ” 1 PEDRO 5:7

DEUS É, E SEMPRE SERÁ, NOSSO PAI VERDADEIRO. PROCURE NÃO SE RESSENTIR DAS FALHAS DOS PAIS TERRENOS, POIS ELES NÃO PASSAM DE CRIANÇAS QUE CRESCERAM E VIERAM A TER CRIANÇAS TAMBÉM.EM VEZ DISSO, DELEITE-SE NO MARAVILHOSO AMOR DO SEU DEUS É PAI.

  1. ACEITAÇÃO – VIVEMOS NUMA SOCIEDADE VOLTADA PARA O DESEMPENHO. MESMO QUANDO NÃO PASSAVA DE UM BEBÊ VOCÊ JÁ ERA COMPARADO A OUTRAS CRIANCINHAS. MUITOS PAIS PASSAM AOS FILHOS A MENSAGEM DO TIPO: SE VOCÊ TROUXER PARA CASA BOLETINS COM BOAS NOTAS, SE VOCÊ TIVER BOA APARÊNCIA, SE VOCÊ…, ENTÃO, SIM, VOCÊ SERÁ ACEITO E “AMADO”. NOSSO DEUS, PORÉM, NOS AMA COM UM AMOR INCONDICIONAL. NOSSO PAI CELESTIAL NOS AMA PORQUE É AMOR.

EMBORA NÃO PRECISEMOS FAZER NADA PARA CONVENCÊ-LO A NOS AMAR, DEVEMOS RECEBER SEU AMOR. O QUE DEUS NOS PEDE É QUE NOS APROXIMEMOS DELE COM HONESTIDADE E SINCERIDADE; ENTÃO ELE NOS PERDOARÁ E NOS TRANSFORMARÁ NOS FILHOS QUE ELE DESEJA. DEUS-PAI O AMA EXATAMENTE COMO VOCÊ É.

RECEBA O AMOR DE DEUS E O AME TAMBÉM.

  1. COMUNICAÇÃO – UMA TAREFA DIFÍCIL É A COMUNICAÇÃO ABERTA E AMOROSA, SOBRETUDO PARA OS PAIS. TALVEZ POR ISSO MUITAS PESSOAS RETRATAM DEUS TAL QUAL SEUS PAIS TERRENOS: UM HOMEM BOM E HONESTO, MAS QUIETO E TÍMIDO, QUE JAMAIS DIZ AOS FILHOS QUE OS AMA E RARAMENTE CONVERSA COM ELES. NO ENTANTO, DEUS COMUNICA SEU AMOR POR NÓS DE MANEIRA CLARÍSSIMA. NA VERDADE, ELE NOS AMA TANTO QUE:

DEUS AMOU O MUNDO DE TAL MANEIRA QUE DEU O SEU FILHO UNIGÊNITO, PARA QUE TODO AQUELE QUE NELE CRÊ NÃO PEREÇA, MAS TENHA A VIDA ETERNA. ” JOÃO 3:16

DEUS SE FEZ CARNE E HABITOU ENTRE NÓS PARA NOS COMUNICAR ESSE AMOR INCONDICIONAL. SE VOCÊ ACREDITA TER SIDO PREJUDICADO EM SEU RELACIONAMENTO COM DEUS POR CAUSA DE UMA CARÊNCIA, QUER EM UMA ÁREA DE AMOR PATERNO, QUER MATERNO, DIGA AO SENHOR COMO VOCÊ SE SENTE E PEÇA-LHE AJUDA.

VOCÊ PRECISA DECIDIR POR SI MESMO QUE VAI PERDOAR A QUEM O MAGOOU, SEJA LÁ QUEM FOR. SE NÃO PERDOAR, A AMARGURA VAI CONSUMI-LO, E VOCÊ NÃO VAI ENCONTRAR PAZ COM DEUS. ENTENDA QUE VOCÊ NÃO ESTÁ SOZINHO. NÃO EXISTEM PESSOAS PERFEITAS… NEM PAIS NEM MÃE QUE NUNCA ERRARAM. TODOS JÁ SOFRERAM UM TIPO OU OUTRO DE MÁGOA.

O IMPORTANTE É QUE VOCÊ COMECE A CONHECER A DEUS PELO QUE ELE REALMENTE É. SOMENTE DEUS É O PAI PERFEITO.  ELE SEMPRE DISCIPLINA EM AMOR. É FIEL, GENEROSO, BONDOSO E JUSTO, E ALMEJA PASSAR TODO TEMPO COM VOCÊ. SEU PAI CELESTE QUER QUE VOCÊ RECEBA O SEU AMOR E SAIBA QUE VOCÊ É ESPECIAL E SINGULAR AOS OLHOS DELE.

Gálatas 1. 15

Patoral Dominical (02/08)

“mas deus me separou desde o ventre materno e me chamou por sua graça. Quando lhe agradou revelar o seu filho em mim para que eu o anunciasse entre os gentios,”.

Amados o apóstolo Paulo escreve esta carta porque recebeu noticias de que os Gálatas estavam se sujeitando a lei de Moisés. Essa questão já havia sido resolvida no concilio de Jerusalém, onde ficou decido que os gentios eram justificados pela fé sem as obras da lei. Então Paulo contradiz essa influencia religiosa proposta pelos mestres judaizantes.

Paulo diz que somente á fé é necessária a salvação e não a obediência à lei mais a fé como eles estavam ensinando. Paulo refuta a ideia que eles ensinavam de que o cristão se aperfeiçoa guardando a lei. Paulo também escreve para reconquistar os gálatas que haviam se corrompido com esses ensinamentos!

Amados esse é o pano de fundo que leva o apostolo Paulo a escrever essa carta!

Quando pensamos nesta passagem, logo nos lembramos de tantas outras que nos remetem ao anuncio da palavra de deus:

Lucas o médico evangelista, fiel companheiro do apostolo Paulo escreveu em atos: todavia, não me importo, nem considero a minha vida de valor algum para mim mesmo, se tão somente puder terminar a corrida e completar o ministério que o senhor Jesus me confiou, de testemunhar do evangelho da graça de deus.
Neste caso qual é o ministério que o senhor confiou a você?

Lembre-se amado você é servo!A partir do momento que você se torna servo, você serve!

Amados esse pensamento se encaixa bem com a perspectiva de Jesus e dos autores do novo testamento.

O reino precisa ser procurado e seus alvos seguidos. Aqueles que assumem a liderança abençoam e agradam seu senhor!

Amados liderança cristã, mais do que outra qualquer, precisa escolher objetivos que são coerentes com a vontade e lei de deus. A liderança positiva precisa ser exercida por um homem ou uma mulher que conheça a Deus e inclua seus os alvos Dele. As prioridades do líder servo precisam ser prioridades bíblicas. Suas qualidades precisam ser aquelas que lhes deem: o nome de amigo de deus (jo. 15:15) e de cooperador com Ele (1cor. 3.9).

Como Paulo, sua única ambição será agradar a Deus (2cor. 5.9)

O apostolo sabia que tinha sido escolhido por deus para ser servo/líder antes do seu nascimento (gálatas 1.15). Deus lhe deu responsabilidade de influenciar permanentemente outras pessoas para a glória dele!

Que tipo de servo/líder Deus usa?

 

Primeiro lugar – procurando um servo/líder com o coração de deus.

O primeiro passo concentra-se na oração. Da multidão de discípulos que seguiram Jesus, foi importante selecionar doze para aprender com ele e sair para pregar (marcos 3.14).

Jesus investiu uma noite inteira em oração antes de escolher os doze homens que se tornariam apóstolos (Lucas 6.12).

Os onze apóstolos oraram para deus intervir na seleção do sucessor de Judas (atos 1. 24-26).

Foi durante o período de oração e jejum dos principais lideres da igreja em Antioquia que o espirito santo disse: “separai-me, agora, barnabé e Saulo para a obra que os tenho chamado” (atos 13.2-3) e tantas outras passagens.

 

Segundo lugar – procurando um servo/líder aprovado

Notemos o exemplo do candidato de Paulo para o ministério. Ele precisa ter boa reputação não somente como líder, muito mais como servo (1tim 3-7). Pois ira servir!

Terceiro lugar – procurando um servo/líder disposto para a obra

Amados habilidades e talentos valem muito pouco ou quase nada para os servos que não estão disponíveis, dispostos e prontos para servir.

Paulo certamente conhecia “servos” que queriam somente títulos, mas que estavam poucos preparados para o serviço.

O serviço para deus exige a diligencia e a vontade séria para ser aprovado pelo senhor (2 Timóteo 2.15).

Será que Pedro não tratou desse mesmo assunto?

“pastoreai, cuidai do rebanho de deus que há entre vós, não por constrangimento, mas espontaneamente, como deus quer, nem por sórdida ganancia, mas de boa vontade” (1 Pedro 5.2)

 

Quarto lugar – procurando um servo/líder que é disposto para ensinar e para aprender

Amados servir exige conhecimento e o treinamento. A habilidade para ensinar depende do desejo continuo de aprender! Um servo nunca deve dizer que já aprendeu, como se não precisasse mais crescer em entendimento. Amados, depois de 80 anos de aprendizado na escola de Deus, o senhor prometeu a Moisés: “vá, pois, agora, e eu serei com a tua boca e te ensinarei o que hás de falar” (ex. 4.12).

Muita reflexão e oração amados é o mínimo necessário que precisamos buscar e praticar como servos dispostos a servir ao nosso senhor Jesus! Amém!

Leitura e Meditação da palavra

Melhores Resultados!

“isto vos mando: que vos ameis uns aos outros” João 15:17

“A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem ama aos outros cumpriu a lei.
Com efeito: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não darás falso testemunho, não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.
O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor.”
Romanos 13:8-10

Em qual estilo de vida você acredita e vive? Naquele que é centrado no egoismo ou naquele que busca suprir com amor as necessidades dos outros?(Romanos 13:8)

Uma Escritora de romance, popular e influente, é adepta de uma filosofia ateísta totalmente egocentrista. O herói de um de seus primeiros romances diz:”A palavra nós nunca deveria ser dita […] Eu vejo a face de um deus, e o coloco acima da terra […] que lhes dará alegria, paz e orgulho. Este deus, esta palavra unica:Eu.”

Quais são os resultados de vivemos apenas a nos mesmos e não amar o nosso próximo? Tal estilo de vida pode trazer orgulho e, segundo o autor da citação acima, o orgulho é a soma de todas as virtudes. Entretanto, a falta de escrúpulos não traz alegria, assim como o estilo de vida egocêntrico não traz paz.

A palavra de Deus coloca como padrão exatamente o contrario desta tão egoísta filosofia de vida. O principio que rege uma vida abundante é o de amar o nosso próximo como a nos mesmo (Romanos 13:9). O que experimentamos quando vivemos tal estilo de vida? “justiça e paz, e alegria no Espirito Santo”(Romanos 14:17). Uma vida de amor – definitivamente tem melhores resultados! – VCG

o amor é a porta pela qual atravessamos – do egoismo para a atitude de servo.

19 de maio
Nosso Andar Diário 
Edição especial
ameparaná
Publicações RBC